Pesquisar neste blog

Mostrando postagens com marcador Poesia. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Poesia. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Votos de casamento de uma noiva: casamento Pedro e Aline

 Olá queridos, hoje, venho compartilhar os meus votos que li para o Pedro no dia do nosso casamento, eu sou super a favor de no casamento mantermos a nossa singularidade e mostrarmos sobre nós mesmos, assim, o casamento precisa ter a carinha do casal e dizer palavras prontas não é ter essa carinha. Por esse motivo, optamos por fazermos os nossos votos que nos emocionou muito e choramos com isso...quer conferir? Só ler abaixo:





Para o Pedro...

Quando decidi te esperar foi quando
Deus me aproximou mais dele
No centro da vontade de Deus me vi
O tempo não era meu pesadelo era meu aliado
Não me importava quanto tempo demoraria
Deus havia acalentado meu coração e me tranquilizado
A presença de Deus era a certeza
de que nos encontraríamos no tempo exato
da maneira mais linda e poética
Não havia pressa, havia promessa, 
Mesmo sem eu saber que era você
Deus havia separado você para mim
E eu estava sendo preparada para você
você que nunca havia me visto,
você que estava com os olhos fechados  para mim
enquanto eu estava sendo moldada para você
você não é o que sempre sonhei
você é o que sonhei quando encontrei
o centro da vontade de Deus
nesse centro nossos olhares se cruzaram
e o Senhor nos uniu, mais que duas vidas
Deus uniu propósitos para a sua glória
Não há como não te amar,
Deus me preparou para isso...
Te esperei e Deus nos encontrou
Enquanto eu me preocupava em agradar a Deus
Ele se preocupava em me agradar
Agradecida sou por ter encontrado a você
Nos encontramos quando encontramos com Deus
Nos aproximamos e nos unimos mais
a medida que buscamos a vontade do nosso pai.

Meu amor, eu não poderia iniciar essa nova fase em que juntaremos os nossos livros, sem recordar da graça que o nosso Deus teve conosco. Para mim, tudo começou em 2013 quando eu decidi confiar minha história de amor ao maior e melhor roteirista de histórias: DEUS! Diante disso, escolhi esperar pelo meu marido e disse a Deus que POR UM ANO não pediria marido, namorado, noivo ou coisa do tipo.
Nesse um ano me importei mais com Deus e com a sua palavra, e por vezes nesse contexto, pensava “ah, como meu futuro marido poderia estar aqui ouvindo tudo isso” e é claro que com as cristocidências da vida, depois descobrimos que você estava!
2013 passou muito rápido e após um ano, na virada de 2013 para 2014 eu estava na igreja pedindo que o Senhor trouxesse a mim o marido que ele tinha para mim! Não disse nada, além disso, pois havia aprendido que ele mais do que eu mesma sabia aquilo que eu precisava. Então, por volta das 22 horas do primeiro dia do ano de 2014 nos encontramos casualmente e tivemos a nossa primeira conversa. Você com toda poesia, seriedade, hombridade e responsabilidade de um Henrique se achegou a mim, me conheceu, me convidou para orar, para namorar e me pediu em casamento de uma maneira única e linda elaborando um livro da nossa história.
Com sete meses de namoro estávamos noivos e hoje, vejo que estou me casando            
com um homem que Deus se agrada, que acima de tudo ama a Deus e conhece a bíblia ao ponto de me ensinar coisas novas e me mostrar uma nova visão que eu não havia tido, estou me casando com um homem que sabe da sua missão perante a bíblia e tenta me amar como Cristo amou a igreja dando a vida por ela, um homem que sabe o dia certo e o momento exato de  lembrar que me ama. Eu estou me casando com um homem que me esperou e me espera. Um homem que me chama para orar antes de qualquer decisão um homem que mesmo após eu magoá-lo, diz que me ama e me ama mesmo, um homem que não vê problemas em pedir perdão. Estou me casando com um homem  que lê, que compra livros e que me deixa com tempo para ler os meus; um homem que me surpreende quando decide ler os meus olhos e me interpretar como ninguém mais conseguiu.  Estou me casando com um homem que lê poemas e por vezes se arriscou em escrever alguns e em me fazer surpresas com pitadas de romantismo.
Estou me casando com um homem que é raro, que não tem vergonha de ser quem é, ou de me mostrar quem foi. Estou me casando com um homem que conversa por horas e horas comigo e mesmo com sono não se cansa de me ouvir. Nossa história foi arranjada por um Deus que é perfeito que detalhadamente juntou dois imperfeitos formando a mais linda composição. Não prometo que seremos felizes todos os dias, mas prometo estarmos sempre juntos em qualquer circunstância, prometo edificar o nosso lar na nossa base que é Deus e lembrar do cuidado de Deus com a nossa união todas as vezes que as situações forem difíceis e acima de tudo prometo que todos os dias decidirei te amar.

10/12/2016

Aline

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Ele é como um vestido de noiva encontrado


ELE


"É sujeito nos meus textos que eu tento, sem sucesso, usar de modo impessoal." (Ruth Manus)

Desde que te conheci a impessoalidade virou presságio! E virou mesmo, lembra? Postei um poema*** sobre isso e ainda éramos conhecidos se conhecendo, você curtiu, eu sorri. 
Como encontrar o vestido de noiva eu sabia e internamente eu disse "É esse", é um sentimento de certeza repleta de plenitude, não sei explicar, mas sei que foi exatamente o que senti quando conversamos, foi exatamente o que senti quando enfim encontrei o meu vestido com cinco dias antes do casamento, eu até que gostei um pouco dos outros vestidos, eles tinham uns detalhes interessantes, mas no geral ele não me cabiam, não cabia de ser chamado de MEU vestido, era apenas vestidos de casamento que talvez eu alugaria e com carinha de zanga o usaria, não deixaria de ser um vestido, branco, de noiva, rodado, modelo princesa...
Mas não era o meu vestido, aquele que fez meus olhos brilharem, que tinha renda nas costas exatamente como eu sempre sonhei e com pérolas como eu desejei, aquele que me tirou suspiros que me fez olhar com admiração com visão de que foi feito exatamente para mim, aquele que me cabia, que me fez sentir mais eu, aquele que eu estava esperando sem esperança de que o encontraria, no final das contas eu havia me conformado com o outro que eu havia escolhido há quase um ano, pois é, às vezes por não saber esperar aceitamos  o que não é nosso e sofremos com isso, mas graças a Deus ele existe e nos faz ver que podemos ter o que nos cabe, o que ele preparou para nós. Pedro, você é como o meu vestido encontrado cinco dias antes, você me cabe perfeitamente e me ver com você é brilhar os olhos e dizer: É esse!!!!                          














***
Poema que mencionei no texto:

Presságio (Fernando Pessoa)
" O AMOR, quando se revela,
 Não se sabe revelar.
 Sabe bem olhar p'ra ela,
 Mas não lhe sabe falar.
 Quem quer dizer o que sente
 Não sabe o que há de dizer.
 Fala: parece que mente...
 Cala: parece esquecer...
 Ah, mas se ela adivinhasse,
 Se pudesse ouvir o olhar, 
 E se um olhar lhe bastasse
 P'ra saber que a estão a amar!
 Mas quem sente muito, cala;
 Quem quer dizer quanto sente
 Fica sem alma nem fala,
 Fica só, inteiramente!
 Mas se isto puder contar-lhe
 O que não lhe ouso contar,
 Já não terei que falar-lhe
 Porque lhe estou a falar..."

terça-feira, 23 de agosto de 2016

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Para os últimos acontecimentos no mundo gospel



Poema totalmente pertinente para os últimos acontecimentos no mundo "gospel"
"Desconfiai do mais trivial , 
na aparência singelo.
E examinai, sobretudo, o que parece habitual.
Suplicamos expressamente:
não aceiteis o que é de hábito como coisa natural,
pois em tempo de desordem sangrenta,
de confusão organizada, de arbitrariedade consciente,
de humanidade desumanizada,
nada deve parecer natural nada deve parecer impossível de mudar." 
Bertolt Brecht

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Conversas escritas



Resultado de imagem para agenda escolar



Ser professora é conversar cinco meses com uma mãe pela agenda e após isso encontrá-la e descobrir que não é nada do que imaginou. Ser professora é por vezes, conhecer a letra, o nome, interpretar a forma que a mãe está pela forma que escreve e conhecê-la  pessoalmente depois disso.



Que lindo é a imaginação que a escrita nos proporciona. Em um tempo de whatsApp eu ainda me comunico escrevendo e aguardando um, dois ou até uma semana para saber a resposta.

terça-feira, 28 de junho de 2016

Escrever é um ato de coragem


Desajeitado, aquele texto todo revisto de repente não era nada a não ser um texto a ser revisto...ficou aos destroços jogado por quase dois meses, tentara eu me aproximar em vão! Oh que vastidão de revisão, tanto a ser trocado, tanto a ser refeito e eu olhando, mirando dizendo que era muito para mim. Tente, saia da margem de si mesmo, três pessoas no mesmo dia te jogaram obrigações e disseram que você conseguiria, eu???? Eu mesma? 



Tentarei, um dia! 
Vamos lá Aline...
Resultado de imagem para máquina de escrever vintageFui lá, estou cá tentando, comecei a tentar, um misto de sentimento de incapacidade com coragem! Voltemos a pesquisa, voltemos as fontes, voltemos ao texto morto...Vamos ressuscitar.
Mas agora com cautela, tenho um novo pensar, uma nova forma de olhar tudo aquilo que fiz, a criação precisa ser revista pela criadora, um parto não se parte sem dor.



Escrever é um ato de coragem! 



segunda-feira, 27 de junho de 2016

Ela é assim...

Ela é assim,


transforma a dor em poesia, a alegria em narrativa a esperança em frase.
Ela é assim, segura nas palavras do A ao Z e juntando cada qual em uma ordem diferente estabelece   um dançar, em roda rodopia com as palavras, abaixa, eleva, roda de novo, se joga e deixa essa roda rodando no tempo...


Resultado de imagem para roda maranhão




quarta-feira, 22 de junho de 2016

Pé no chão...




Pé no chão e coração nos sonhos 





Uma crítica às definições


Em meio as diversas dimensões do meu viver, pego-me pensando em quão indefinida me sinto, não sou inteira estudante, nem inteira professora, não sou feminista e dependendo da sua visão e concepção eu também não sou unespiana, não sou inteira poética e não leio somente poemas, mas tenho vários guardados em mim. Sou cristã e evangélica, mas dependendo da sua concepção  posso não ser também e tem mais não sou Batista, mas sou... entendeu? Sou simples, mas complexa...





Somente sei que no meio disso tudo ando fugindo de definições. Definitivamente as definições não nos representam por inteiro, mas nos limitam! Sou Aline, sem definição, sem limitação, posso ser e posso não ser! Defendo o direito de que cada um possa escolher o que quer ser e que seja... Seja propositalmente a melhor versão de si mesmo.   

sexta-feira, 20 de maio de 2016

Visão de flores




Tenho tido visão de flores, em meio aos espinhos optei por enxergar o florido! Para que focar nos espinhos se as flores são mais belas?

segunda-feira, 16 de maio de 2016

Aprender com flores




Tenho aprendido que ganhar#flores é aprender a perder, como toda estação florida elas são passageiras....flores em vida são breves!





quarta-feira, 11 de maio de 2016

Tudo bem não estar tudo bem




Escrever um capítulo grande de uma história pessoal é medonho, frio na barriga, pensamentos a mil por hora, coração que dispara, pesadelos que me rodeiam e um desejo de que a sexta do dia 13 chegue logo. Para horas assim, que já passei muitas vezes, lembro-me da receita:

-Orar,
-Contar tudo para Deus e confiar nele,
-Lembrar da frase "Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o que, com frequência, poderíamos ganhar, por simples medo de arriscar."William Shakespeare
-Arriscar,
-Buscar coragem e lembrar que ela não é a ausência do medo, mas o caminhar em meio ao medo,
-Lembrar que dentro de suas possibilidades você fez e fará o seu melhor.



Tenho medo, mas dou meu jeito, 
Tenho medo, mas caminho,
Tenho medo, mas ele não me paralisa,
Tenho medo, mas quem não tem?
Tenho medo, mas o medo não me tem.

domingo, 20 de março de 2016

Outono: aniversários


Sobre nascer no dia em que se inicia o outono: 20 de março!



Nasceu-se folha, 
tornou-se flor com os outonos.
A medida que se transformava, virava folha aguada...







Ps: escrito há um ano...

domingo, 13 de março de 2016

Ou isto ou aquilo na igreja

Ou isto ou aquilo
Cecília Meireles


Ou se tem chuva e não se tem sol,

ou se tem sol e não se tem chuva!

Ou se calça a luva e não se põe o anel,

ou se põe o anel e não se calça a luva!

Quem sobe nos ares não fica no chão,

quem fica no chão não sobe nos ares.

É uma grande pena que não se possa

estar ao mesmo tempo nos dois lugares!

Ou guardo o dinheiro e não compro o doce,

ou compro o doce e gasto o dinheiro.

Ou isto ou aquilo: ou isto ou aquilo...

e vivo escolhendo o dia inteiro!

Não sei se brinco, não sei se estudo,

se saio correndo ou fico tranqüilo.

Mas não consegui entender ainda

qual é melhor: se é isto ou aquilo.


Resultado de imagem para bíblia Resultado de imagem para louvor

O poema acima é da Cecília, mas também é da Aline. É aquele tipo de poema que eu levo gravado no coração e uso na vida e nesse sentindo ele vem com tudo fazer sentido, nas igrejas tenho vivido dúvidas sobre o louvor e sobre a palavra, na busca de uma igreja que realmente tivesse um louvor que adorasse ao Senhor e uma palavra que edificasse, tratasse do verdadeiro evangelho e fosse estudada por quem a ensina, ontem conclui que infelizmente no meu meio atual ou ISTO ou AQUILO


Ou se tem a palavra ou se tem o louvor

Mas não consegui entender ainda

qual é melhor: se é isto ou aquilo.


sábado, 12 de março de 2016

sábado, 5 de março de 2016

Há sete anos tenho aprendido...



Quinta-feira ouvi declamado um texto que tenho lido há aproximadamente sete anos, é interessante que partes desse texto tem se tornado princípios para mim e eu nem lembrava mais que conheci com esse texto, vale a pena conferir. Abaixo, insiro o texto com sublinhados e comentários meus sem sublinhado: 













APRENDER - (William Shakespeare) 


Depois de algum tempo você aprende a diferença, 
A sutil diferença entre dar uma mão e acorrentar uma alma, 

(Nessa vida, acorrentar almas não foi minha ação)

E você aprende que amar não é apoiar-se 
E que companhia nem sempre significa segurança, 
E começa aprender que beijos não são contratos, 
E presentes não são promessas. 

(Apoio e amor são coisas bem diferentes e não importa o valor do presente ele não é promessa)




E começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e os olhos adiante, 
Com a graça de um adulto, e não com a tristeza de uma criança 
E aprende a construir todas as suas estradas no hoje, 
Porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, 
E o futuro tem o costume de cair em meio ao vão. 

(Tenho aprendido sobre os terrenos incertos) 




Aprende que falar pode curar dores emocionais 
Descobre que se leva anos para construir uma confiança 
E apenas segundos para destruí-la. 
E que você pode fazer coisas em um instante, 
Das quais se arrependerá pelo resto de sua vida. 

(Com toda certeza, quantos arrependimentos...quantos alívios depois de falar sobre sores emocionais)



Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer 
Mesmo a longa distância, 
E o que importa não é o que você tem na vida, 
Mas quem você tem na vida. 
E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher. 

(Com toda certeza)



Aprende que não temos que mudar de amigos 
Se compreendermos que os amigos mudam, 
Percebe que o seu melhor amigo e você 
Podem fazer qualquer coisa ou nada 
E terem bons momentos juntos. 






Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que o ame 
Não significa que esse alguém não o ame com tudo que pode 
Pois existem pessoas que nos amam 
Mas simplesmente não sabe como demonstrar ou viver com isso. 

(Trilhares de vezes mencionei essa frase, tenho uma forma diferente de amar e as pessoas tendem a não reconhecerem amor nessa minha forma)




Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém 
Algumas vezes você tem que aprender a perdoar a si mesmo 
Aprende que com mesma severidade com que você julga 
Você será em algum momento condenado. 





Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, 
O mundo não pára para que você o conserte, 
Aprende que tempo é algo que não pode voltar para trás, 
Portanto, plante seu jardim e decore sua alma, 
Ao invés de esperar que alguém lhe traga flores. 


(O mundo não para mesmo, e isso implicará em chorar em público algumas vezes)



E você aprende que realmente pode suportar, que realmente é forte, 
E que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais. 
E que a vida realmente tem valor, 
E que você tem valor diante da vida. 
E você finalmente aprende que nossas dúvidas são traidoras 
E nos faz perder o bem que poderíamos conquistar, 
Se não fosse o medo de tentar... 




(Sim eu suportei e ainda posso suportar muito mais, com Deus tenho ido muito mais longe do que imaginaria.)